NOTÍCIAS

PORTO SEM PAPEL FRACASSA

Sem se identificar, diversas entidades patronais entraram em contato com a coluna e revelaram que o programa Porto Sem Papel (PSP), criado pela Secretaria Especial de Portos (SEP), é um fracasso. Destinado acabar com a papelada do setor e viabilizar, como em todo o mundo desenvolvido, o PSP caboclo não funciona.

 De acordo com um empresário, em recente seminário até dirigentes da Receita Federal do Brasil teriam ridicularizado o sistema, que em nada simplifica a operação e, ao contrário, aumenta a burocracia.

 Para algumas fontes, ocorre apenas uma antecipação por via informatizada, mas, posteriormente, toda a papelada é exigida. Um empresário chegou a dizer: O PSP representa apenas um acréscimo de R$ 700 em pagamento ao Governo. Em nada reduz a burocracia, e, pelo contrário, eleva as obrigações e até os custos, pois deve-se  preencher um Duda ( documento de arrecadação) no valor de R$ 700. Em vez de simplificar, o PSP trouxe mais uma exigência a um já complicado sistema.

Leia Mais

Fonte: Portal NetMarinha